Dedicatória à 2015! Que Venha 2016!


Agora uma dedicatória especial a este inesquecível ano que foi 2015. O pior ano da minha vida. :} Um ano que jamais será não lembrado. O ano que me fez mudar, definitivamente.
Muita gente não sabe, ou nem imagina, mas apesar de algumas fotos sorridentes, eu nunca sofri tanto em um ano quanto neste, nem mesmo há anos atrás enquanto estive doente. Emoticon smile
Se eu pudesse simplificar em palavras como me foi este 2015, citaria a fala da personagem Carla Grunwald: "Betrayal, betrayal, and loss..." (Traição, traição e perda).
[Foto do site Malas & Malinhas]

Eu nunca achei que eu pudesse me frustrar TANTO em um só ano, e muito menos que eu tanto fosse sofrer, com uma decepção vindo atrás da outra, por vezes, até em conjunto. Fora que eu literalmente quase morri duas vezes neste ano. :} ahahha'
Em momentos chorei, em outros sorri, por outros, sofri calado, procurei transparecer ao máximo este ano, que tudo esteve bem, ou ao menos, "estável". Mas é bom sorrir pras fotos, pois ninguém gosta de ver tristeza, embora seja parte da vida. :}
Se eu tive bons momentos? Mas é claro! Sempre temos, e mesmo nos ruins, analisando bem, com carinho, às vezes, a gente encontra algo bom. :}
Só perceber que certas situações, e certas pessoas, sempre fazem questão, de uma forma ou de outra, de mostrar que estão contentes em ter sua presença, e estar em sua presença, mesmo que por um segundo. :}
Aprendi diversas coisas e lições. Por isso, querido 2015, apesar de você ter sido diabólico comigo, agradeço a você pelas altas doses de pancadas, que antes fossem doses de sake com frutas vermelhas! Agradeço de verdade, pois por tantas coisas terem acontecido e em partes uma atrás da outra, estou certo de que pude me recuperar e me superar ainda mais rápido.
Agradeço, 2015, pois para 2016, ou melhor, de já, eu me tornei uma pessoa ainda mais forte. Emoticon grin
Agradeço por tanta falsidade, por tanta traição, falta de consideração, tantos lobos em peles de cordeiros. Aprendi de vez, e finalmente, a não criar mais expectativas... A não ser mais tão solicito... A não confiar demais... E olha que eu nem sou do tipo de pessoa que sorri pra todo mundo. Quem me conhece, me conhece. E quando os bons sábios dizem que são os de perto que mais podem nos ferir... Bem, compreendo cada sentimento dito por eles, em suas infames tristezas. :}
Agradeço por em certos momentos ter sido deixado de lado, ignorado, desconsiderado, quando mais precisei... E olha que na maioria, era apenas de uma conversa que eu precisava.
Agradeço por diversas vezes ter tido minha confiança traída. Agradeço por ter dado crédito e carinho à coisas, e principalmente pessoas que no final das contas não se importavam.
Agradeço cada sorriso falso, a cada passada de perna, a cada fingimento.
Pois apesar dos poucos bons momentos que tive este ano, e quem esteve comigo neles sabe bem quais foram, foram desta vez, os maus momentos que mais se fizeram presentes, e todavia, mais me trouxeram vigor, experiência, e após tanta turbulência... Paz Interior! :}
Nada melhor que isso.
Eu mudei! Mudei de verdade. :} E por isso, de uma forma doída, sou meio que grato a 2015, por me mostrar o melhor caminho para começar 2016. E não, 2015, você não será esquecido, porém, não será gostado.
Todo aquele e tudo aquilo que já me inspirava admiração, carinho, e afins, continuará do mesmo jeito. Porém às demais coisas e pessoas... Bem... Só lamento. Estou excluindo e apagando da minha vida tudo aquilo que não me apetece. Aprendi a pegar o lado "positivo" da grande negatividade, e para 2016, além de eu ter ciência de que eu vou estar mais ali e aqui para mim mesmo, finalmente... E que ao final de tudo isso, EU SORRI! :}
Aprendi a parar de valorizar o que eu quero, e valorizar o que eu tenho Aprendi a gratidão. :}
Aprendi a parar de insistir no errado e no problemático, e investir no já certo e no puro e tranquilo. :}
Eu mudei. Ah, como eu mudei. :}
Sei que sou bom o bastante, para mim mesmo, e bom o bastante para fazer a diferença na vida das pessoas. E agradeço a todos os poucos que não me viraram as costas, que fizeram questão de mostrar que ainda há esperança no mundo, de uma forma ou de outra. :}
2016, lhe aguardo calorosamente, pois contigo, virá um novo Felipe Ursini. :}

Abraços.
F.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...