Resenha Tripla: Linhas Home Care - O'ka Argan, Macadâmia e Americanoil (Ojon) da Salvatore Professional

29/05/2013
Olá pessoal, tudo okay?

Hoje vou resenhar pra vocês 3 linhas em conjunto. Linhas estas que são de uso home care e que foram lançadas lá na Hair Brasil 2013 (saiba mais sobre o evento clicando aqui); cada uma dessas linhas tem um dos óleos mais badalados como ativo base. Elas são O'ka Argan, O'ka Macadâmia e O'ka Americanoil (óleo de ojon [saiba mais sobre ele clicando aqui]).

Na grande realidade, as linhas são muito similares; vou deixar isso claro mais ao fim do post, tanto quanto sobre as indicações. Antes a linha O'ka continha apenas o óleo de argan, que vocês podem conferir a resenha clicando aqui.

Agora ela foi aumentada, gerando máscara e óleo para o argan, como também mais dois trios de macadâmia e ojon, como mencionei no início do post.

As promessas básicas da linha O'ka são hidratação e nutrição da fibra capilar. Sobre os benefícios fornecidos:
#Desestressante da fibra capilar
#filme protetor biológico
#Hidratação intensa
#Alto poder condicionante
#Brilho e maciez
#Indicado para processos pós químicos e físicos
#Proteção térmica
#Escova de brilho

Vamos começar falando dos shampoos. Os produtos são bem iguais, incluindo em descrições, promessas, fórmulas e tudo, a mudança está no ativo base, que é um óleo diferente do outro. Em ordem, argan, macadâmia e ojon:
O'KA - Shampoo com Óleo de Argan 300mlO'KA - Shampoo com Óleo de Macadâmia 300mlO'KA Americanoil - Shampoo com Óleo de Ojon 300ml
"O Shampoo O’Ka com Óleo de argan/macadâmia/ojon, possui uma fórmula especial, com pH fisiológico e Óleos Essenciais de Argan/Macadâmia/Ojon que limpam e preparam os fios sem agredir e sem a abrir as cutículas. Indicado para manutenção diária de qualquer tipo de cabelo." 

Como disse, é tudo o mesmo, só muda o ativo:

"MODO DE USO: Com os cabelos molhados distribua uniformemente o Shampoo O’Ka com Óleo de Argan/Macadâmia/Ojon por todos os fios massageando suavemente cabelos e couro cabeludo, sem dobrar ou torcer os fios e enxágüe abundantemente com água fria ou morna. Repita mais uma vez o processo.
Após a lavagem aplique a Mascara de Hidratação O’Ka com Óleo de Argan/Macadâmia/Ojon. 
PRECAUÇÕES: Manter fora do alcance das crianças e animais domésticos. Manter ao abrigo da luz solar. Evitar o contato com os olhos, caso ocorra, lavar abundantemente com água corrente. Após o uso, manter a embalagem fechada. Em caso de irritação suspenda o uso e procure orientação médica. 
COMPOSIÇÃO Shampoo de Argan: Aqua, Hydroxyethylcellulose, Triethanolamine, Cocamidopropyl Betaine, Sodium Laureth Sulfate, Cocamide DEA, Disodium EDTA, Citric Acid, Phenoxyethanol, Methylparaben, Ethylparaben, Propylparaben, Butylparaben, PEG-12 Dimethicone, Citral, Citronellol, Hexyl Cinnamal, D-Limonene, Linalool, Sucrose, Brassicamidopropyl Dimethylamine, Glycol Distearate, Argania Spinosa Kernel Extract.
COMPOSIÇÃO Shampoo de Macadâmia: Aqua, Hydroxyethylcellulose, Triethanolamine, Cocamidopropyl Betaine, Sodium Laureth Sulfate, Cocamide DEA, Disodium EDTA, Citric Acid, Phenoxyethanol, Methylparaben, Ethylparaben, Propylparaben, Butylparaben, PEG-12 Dimethicone, Citral, Eugenol, Limonene, Citronellol, Hexyl Cinnamal, Linalool, Sucrose, Brassicamidopropyl Dimethylamine, Glycol Distearate, Macadamia Ternifolia Seed Extract.
COMPOSIÇÃO Shampoo de Ojon: Aqua, Hydroxyethylcellulose, Triethanolamine, Cocamidopropyl Betaine, Sodium Laureth Sulfate, Cocamide DEA, Disodium EDTA, Citric Acid, Phenoxyethanol, Methylparaben, Ethylparaben, Propylparaben, Butylparaben, PEG-12 Dimethicone, Butylphenyl Methylpropional,Citral, Citronellol, Hexyl Cinnamal, Hydroxyisohexyl 3-Cyclohexene Carboxaldehyde, Linalool, Sucrose, Brassicamidopropyl Dimethylamine, Glycol Distearate, Elaeis Oleifera Kernel Extract."
Como puderam ver, a fórmula é a mesma, a única coisa que muda é realmente o ativo base.

Sobre as texturas, é a mesma coisa, um perolado levemente cremoso.
 

A ação é deliciosa, suave, limpam sem ressecar e ainda tratam o fio com amaciamento. Isto pois você deve lavar e reaplicar o produto deixando agir por pelo menos 3 minutos. Ao enxágue os fios ficam deliciosamente macios, realmente não abre as cutículas, algo que me deixou bem feliz com eles. Os três agem da mesma forma.

Máscaras:
O'KA - Máscara Pós-Tratamento e Hidratação com Óleo de Argan 250mlO'KA - Máscara Pós-Tratamento e Hidratação com Óleo de Macadâmia 250mlO'KA Americanoil - Máscara Pós-Tratamento e Hidratação com Óleo de Ojon 250ml
As máscaras tem as mesmas promessas. De hidratação profunda, dar suavidade e de dar brilho reluzente.
Quanto á descrição, ela diverge da do site para a do produto; a do produto pede para utilizar por 5 minutos após o shampoo, enquanto a da embalagem pede 15 minutos (ao meu ver, isso indica que o shampoo realmente tem potencial hidratante):
As fórmulas:
COMPOSIÇÃO: Aqua, Cetearyl Alcohol, Ceteareth-20, BHT, Paraffinum Liquidum, Argania Spinosa Kernel Oil, PEG-150 Distearate, Brassicamidopropyl Dimethylamine, Disodium EDTA, Hydroxyethylcellulose, Citric Acid, Cetrimonium Chloride, Citral, Citronellol, Hexyl Cinnamal, D-Limonene ,Linalool, Dimethicone, Phenoxyethanol, Methylparaben, Ethylparaben, Propylparaben, Butylparaben, Mauritia Flexuosa Fruit Oil.
COMPOSIÇÃO: Aqua, Cetearyl Alcohol, Ceteareth-20, BHT, Paraffinum Liquidum, Macadamia Ternifolia Seed Oil, PEG-150 Distearate, Brassicamidopropyl Dimethylamine, Disodium EDTA, Hydroxyethylcellulose, Citric Acid, Cetrimonium Chloride, Citral, Eugenol, Limonene, Citronellol, Hexyl Cinnamal, Linalool, Dimethicone, Phenoxyethanol, Methylparaben, Ethylparaben, Propylparaben, Butylparaben.
Aqua, Cetearyl Alcohol, Ceteareth-20, BHT, Paraffinum Liquidum, Elaeis Oleifera Kernel Oil, PEG-150 Distearate, Brassicamidopropyl Dimethylamine, Disodium EDTA, Hydroxyethylcellulose, Citric Acid, Cetrimonium Chloride, Citral, Citronellol, Hexyl Cinnamal, Hydroxyisohexyl 3-Cyclohexene Carboxaldehyde, Linalool, Dimethicone, Phenoxyethanol, Methylparaben, Ethylparaben, Propylparaben, Butylparaben, Mauritia Flexuosa Fruit Oil.
A diferença aqui é que a de macadâmia, não tem o último item contido nas outras duas, maurita flexuosa fruit oil (o que me indica ser um reforço, já que o argan e o ojon são mais caros que a macadâmia). Quanto aos resultados, não notei diferenças. Não liberadas para no/low poo.
As texturas são semelhantes, firmes que não caem do pote, só se mexer com força. A diferença aqui está na coloração da de argan, que é amarelada.
Na aplicação, elas amaciam os fios instantaneamente, durante a ação os fios vão ficando mais fios. Ao enxágue os fios ficam bem macios, perfumados, com suavidade e um tênue brilho. Noto que elas promovem um efeito nutritivo leve nos fios capaz de gerar uma N legal para fios menos danificados; quanto a hidratação ela cumpre muito bem. A única coisa que não gostei foi de terem parafina liquida, ainda mais antes do ativo na fórmula. mas ainda assim, não senti o efeito dela, o que foi um plus.

Óleos:
O'KA - Óleo de Argan Salvatore 15mlO'KA - Óleo de Macadâmia 15mlO'KA Americanoil - Óleo de Ojon 15ml
O óleo de argan da linha é o mesmo da versão profissional, com tamanho reduzido, e eu já o tinha (tem resenha dele com link perto do começo do post). O de macadâmia e ojon não tem diferenças nas fórmulas, a não ser o ativo.
O`KA - Óleo de Argan Salvatore 60ml
Descrição é fórmula do argan (que é basicamente a mesma do profissional, que eu tenho):
O O`KA Óleo de Argan é um composto natural rico em vitaminas A e E e ômegas 6 e 9 que são absorvidos instantaneamente por todos os tipos de cabelos, proporcionando sedosidade e brilho luminoso. O Óleo de Argan Salvatore, repara e fortalece os cabelos danificados por processos químicos e físicos.
COMPOSIÇÃO: Cyclopentasiloxane, Phenyl Trimethicone, Dimethicone, Argania Spinosa Kernel Oil, Cetyl Acetate, Acetylated Lanolin Alcohol, Cyclopentasiloxane, Dimethicone, Macadamia Ternifolia Seed Oil, PPG-3 Benzyl Ether Myristate, Benzyl Salicylate, Butyphenyl Methylpropional, Citral, Citronellol, Hexyl Cinnamal, Hydroxyisohexyl 3-Cyclohexene Carboxaldehyde, d-Limonene, Linalool, Mauritia Flexuosa Fruit Oil.
Descrição é fórmula do macadâmia:
O O`KA Óleo de Macadâmia é um composto natural rico Ácidos Graxos Antioxidantes e Ômegas 6,7 e 9 que são absorvidos instantaneamente por todos os tipos de cabelos, proporcionando sedosidade e brilho luminoso. Rico em vitaminas, o Óleo de Macadâmia Salvatore, repara e fortalece os cabelos danificados por processos químicos e físicos. 
COMPOSIÇÃO: Cyclopentasiloxane, Phenyl Trimethicone, Dimethicone, Cetyl Acetate, Acetylated Lanolin Alcohol, Cyclopentasiloxane, Dimethicone, Macadamia Ternifolia Seed Oil, PPG-3 Benzyl Ether Myristate, Benzyl Salicylate, Butyphenyl Methylpropional, Citral, Citronellol, Hexyl Cinnamal, Hydroxyisohexyl 3-Cyclohexene Carboxaldelhyde, D-Limonene, Linalool.
Descrição é fórmula do ojon:
O O`KA Óleo de Ojon é um composto natural rico em Vitaminas A e E, Agentes Antioxidantes e Minerais que são absorvidos instantaneamente por todos os tipos de cabelos, proporcionando sedosidade e brilho luminoso. O Óleo de Ojon Salvatore, repara e fortalece os cabelos danificados por processos químicos e físicos. 
COMPOSIÇÃO: Cyclopentasiloxane, Phenyl Trimethicone, Dimethicone, Elaeis Oleifera Kernel Oil, Cetyl Acetate, Acetylated Lanolin Alcohol, Cyclopentasiloxane, Dimethicone, Macadamia Ternifolia Seed Oil, PPG-3 Benzyl Ether Myristate, Benzyl Salicylate, Butyphenyl Methylpropional, Citral, Citronellol, Hexyl Cinnamal, Hydroxyisohexyl 3-Cyclohexene Carboxaldelhyde,D-Limonene, Linalool, Mauritia Flexuosa Fruit Oil.
Analisando as fórmulas, posso constar que o óleo de macadâmia é o mais fraco; e na prática isso se aplica, mesmo que levemente, mas tanto o argan quanto o ojon foram mais benéficos nos meus fios secos e danificados. Já o macadâmia foi bem próximo, mas fios menos danificados ficariam mais legais com ele, ainda mais recebendo menos oleosidade.
As texturas são semelhantes, liquidas e pouco oleosas. A aplicação e ação são semelhantes, tendo que se aplicar de 2 a 4 gotas e passar nos fios secos ou úmidos, podendo serem utilizados nos fios como protetor térmico. O argan é levemente mais amarelado que os demais, que são de cor levemente creme.

As únicas diferenças entre uma linha e outra são apenas 3: o óleo de ativo, a cor das embalagens (argan é  azul e laranja; macadâmia é marrom e verde; ojon é marrom e amarelo) e a fragrância; com exceção da cor da máscara de argan. E quanto a isto, a linha argan tem um aroma oleoso que é praticamente o mesmo do óleo de argan em si; a linha macadâmia (que tem meu aroma favorito) tem um aroma suave levemente adocicada que é deliciosa; a linha ojon tem um aroma que me lembra algo fresh levemente parecida com uma fragrância musk com um leve (quase não notável) toque amadeirado comum de fragrâncias masculinas.
No geral, como não tem muita diferença entre uma linha e outra, a escolha fica simplesmente entre o seu óleo de preferência e as cores de sua preferência, no geral é tudo bem igual, com exceção do óleo de macadâmia que é levemente menos potente que o argan e o ojon, ótimo pra fios pouco danificados ou apenas ressecados.

Agora as finalizações, levando em consideração serem linhas de uso home care.
Shampoos:
O que promete: Limpar sem agredir e sem abrir as cutículas, para manutenção diária
O que faz: Cumprem o que prometem, gerando muita maciez sem ressecamento algum, abertura de cutículas ou perda hídrica
Compraria novamente: Sem dúvidas
Classificação: Perfeitos (para uso home care em fios danificados ou ressecados)
Nota: 10+++

Máscaras
O que promete: Promover uma hidratação profunda, sedosidade, brilho reluzente;, para manutenção 
O que faz: Cumprem o que prometem, com exceção do brilho reluzente que é bem tênue; no mais, dá maciez, suavidade e um leve efeito N
Compraria novamente: Sim
Classificação: Ótimas
Nota: 9

Óleos (ojon e macadâmia)
O que promete: Sedosidade, brilho luminoso, reparação e fortalecimento  
O que faz: Cumprem o que prometem no geral, complicado o fortalecimento, mas deixam os fios bem sedosos e brilhantes, com o frizz reduzido (instantaneamente) e sem peso ou efeito engordurado demais, de fácil aplicação; o de macadâmia é mais leve
Compraria novamente: Sim
Classificação: Ótimos
Nota: 9

Confiram resenhas de outros produtos da Salvatore clicando aqui.

Abraços.
F.







Resenha: Argan Oil Treatment (Anna Haven)

28/05/2013
Olá pessoal, tudo okay?
Hoje vou resenhar pra vocês o Argan Oil Treatment da Anna Haven.

Trata-se de um óleo de argan para uso capilar da linha Cashmere Real Oil AO.
Ele deve ser utilizado como finalizador, podendo ser utilizado antes da secagem (aplicando algumas gotas no comprimento e pontas; também podendo usá-lo com os fios já secos). Ele é de uso profissional e semi-profissional.

O produto em si promete proteção, brilho e acabamento superior:
"Fórmula balanceada combina a tradição dos óleos naturais com tecnológicos polímeros. Protege contra a desidratação, frizz e danos térmicos. Sua rica composição permite o uso de diferentes formas: finalização, pré-shampoo, aditivo de máscaras e como finalizador."

Indicado para fios desnutridos, sem vida, ressecados, porosos e ásperos.

A embalagem contém válvula pump, o que facilita a vida evitando desperdício. Contém 50 ml.


A fórmula é a seguinte: ciclomethicone, dimethicone, ciclopentasiloxano, dimethiconol, phenyl trimethicone, cyclopentasiloxane, dimethiconol, dimethicone, crosspolymer, argania spinosa kernel oil, parfum, ci 12700, ci 4205, cyclomethicone, alpha-isomethyl ionone, amyl cinnamal, benzyl alcohol, benzyl benzoate, benzyl salicylate, butylphenyl, methylpropional, cinnamal, cinnamal alcohol, citral, citronellol, coumarin, eugenol, geraniol, hexyl cinnamal, hydroxyisohexyl 3-cyclohexene, carboxaldehyde, isoeugenol, limonene, linalool.

O aroma do produto me remete a um cheiro concentrado de melão misturado com o cheiro natural do óleo de argan. Ele tem uma coloração levemente amarelada. A textura é grossa puxada para a mediana; que é firme, porém fácil de espalhar.

Ele tem um potencial de gerar controle de nutrição e condicionamento, maior que o dos produtos que estou habituado. E ele dura! Vem bem cheiro, já fiz várias aplicações e continua cheio.

Aqui, diferente da grande maioria, a indicação de se usar gotas é realmente plausível; sendo necessário um ou dois pumps.

Como dito, ele tem uma textura grossa, e o resultado é mais forte, não só pela textura e aplicação. Os fatores brilho, redução de frizz e volume, controle e definição, são notados de imediato.

Ele é um dos poucos óleos que me mantém os fios de 70 a 80% nutridos ao dia seguinte mesmo com o atrito com a fronha de algodão do travesseiro. Esse foi o ponto que mais gostei, mesmo já tendo gostado do efeito imediato da aplicação.

Ele acaba por doar aquele peso nutritivo sem deixar os fios oleosos ou engordurados. Doa um aspecto mais selado, menos áspero ou poroso, gerando maior reflexibilidade. A nutrição você nota no dia seguinte.
Se usado em uma quantidade maior ele terá um efeito semelhante a uma pomada, com uma cera, dando maior controle, brilho e definição de pontas e visual geral, porém um pouco pesado.

Gosto dele como finalizador, pois os efeitos são instantâneos, e gosto ainda mais dele como tratamento noturno. Algumas pessoas mais próximas sabem que eu há uns meses costumo usar óleos como tratamento noturno e tem dado muito certo, este aqui foi um dos melhores para este quesito.

Cabelos mais oleosos certamente podem pesar com ele, principalmente em quantidade grande. Por isso, indico literalmente para os tipos de cabelo a que ele se destina, desnutridos, sem vida, ressecados, porosos e ásperos; geralmente quimicamente danificados.

O que promete: Proteção contra desidratação e frizz, proteção térmica, brilho, acabamento superior
O que faz: Cumpre tudo o que promete
Classificação: Excelente
Compraria novamente: Sim
Nota: 10++

Não deixem de participar do sorteio da Ikura ali ao alto do blog, ou clicando aqui.
Sorteio!!! Até 22 de Junho

Abraços.
F.

Resenha: Shampoo e Condicionador Extreme Renew (ILike Professional)

24/05/2013
Olá pessoal, tudo okay?
Hoje vou resenhar pra vocês o shampoo e condicionador Extreme Renew da ILike Professional.

Trata-se de uma dupla indicada para uso em cabelos danificas e pós química. Os produtos, assim como toda a gama da ILike é livre de parabenos.
O ativo base da dupla e de toda a linha Ilike é o Phytocelltec, obtido a partir das células troco de uma maça rara existente na Suíça, que tem alto poder regenerativo da fibra capilar. Além disso os produtos contém agentes hidratantes, que prometem proporcionar fios bem tratados e saudáveis, e o efeito age less (anti age).

Shampoo:

"Para cabelos danificados e pós química. A linha Extreme Renew protege os cabelos danificados ou sujeitos a processamento químico e/ou mecânico não os deixando ressecados e quebradiços. A perda do viço acontece porque o cabelo é composto por queratina, uma proteína que perde parte de suas funções – protetora e regeneradora – ao ser constantemente agredida por essas técnicas de transformação dos fios."
O shampoo deve ser aplicado nos fios molhados, massageando e enxaguando, podendo ser repetido o processo.

Ele tem uma coloração branca cintilante e perolada. O aroma é suave, me lembra um fundo de lavanda. Ele é do tipo levemente cremoso.
Na fórmula encontrei: hydrolyzed wheat protein, carbocysteine e malus domestica fruit cell culture.
No us ele limpa os fios sem grandes esforços, com uma limpeza suave porém notável. E o melhor de tudo é que ele não deixa os fios ficarem rígidos ou ásperos, nem mesmo ressecados. Forma uma leve espuma na primeira aplicação e uma cremosa na segunda.

Condicionador:

"Para cabelos danificados e pós química. A linha Extreme Renew protege os cabelos danificados ou sujeitos a processamento químico e/ou mecânico não os deixando ressecados e quebradiços. A perda do viço acontece porque o cabelo é composto por queratina, uma proteína que perde parte de suas funções – protetora e regeneradora – ao ser constantemente agredida por essas técnicas de transformação dos fios."
O condicionador deve ser aplicado no sentido da raiz às pontas, deixando agir por 2 minutos e enxaguar.

Ele tem uma coloração branca, o mesmo aroma do shampoo e uma textura um tanto firma, do jeito que eu gosto. Não é oleoso.
Na fórmula encontrei: lactic acid, hydrolyzed wheat protein, carbocysteine e malus domestica fruit cell culture.
Durante a aplicação ele não amolece os fios de imediato, ele os envolve em uma textura levemente firme, deixando-os com a mesma. Ao fim do tempo de ação os fios ficam com um sensorial mais maleável, e ao enxaguá-los lhes é proporcionado brilho, maciez e mais definição. Isso me remete a um pH baixo.

A dupla cumpre bem sua função de shampoo e condicionador, não tenho do quê reclamar.

O que promete: Fios bem tratados e saudáveis
O que faz: Não alteram a saúde dos fios, doa maciez, brilho de definição
Classificação: Ótimos
Compraria novamente: Sim
Nota: 9


Não deixem de participar do sorteio da linha completa que está rolando lá na nossa página do Cabelomaníacos (basta clicar aqui).
Foto: Clique no link e venha Participar deste Super Sorteio  
https://www.sorteiefb.com.br/tab/promocao/200741


Abraços.
F.

Resenha: Linha Hidra Cachos (Tratta Brasil Professional)

21/05/2013
Olá pessoal, tudo okay?
Hoje vou resenhar pra vocês a linha Hidra Cachos da Tratta Brasil Professional.
 
Trata-se de uma linha indicada para cabelos secos e cacheados. Ela é composta por shampoo, condicionador, hidratação e leave in gel. Ela é a base de aminoácidos vegetais, que eu denominaria como um colágeno vegetal.

“Curvas, quando bem definidas, carregam em si conceitos de movimento e sensualidade. Pensando no desafio de tratar cabelos cacheados, a Trattabrasil desenvolveu Hidra Cachos, uma linha que proporciona hidratação, força e nutrição aos fios, modelando de maneira exclusiva e proporcionando cachos sensuais e perfeitamente definidos.”


Fiz uma resenha em separado do shampoo, pois ele me surpreendeu muito. Confiram a resenha do shampoo clicando aqui.
Um trecho:
Trata-se de um shampoo indicado para cabelos secos e encaracolados. Dentre suas promessas estão a nutrição, modelação, eliminação do frizz e não pesar nos cabelos. Seu ativo base é o colágeno vegetal (presumo), que é rico em aminoácidos e proteínas.

"Pensando no desafio de tratar um cabelo cacheado, desenvolvemos uma tecnologia exclusiva para limpar os fios ao mesmo tempo em que propicia nutrição, força, ativa e modela os cachos. A linha é formulada com ativo vegetal rico em aminoácidos e proteínas, que é considerado um colágeno vegetal, promove hidratação, restaura a elasticidade dos fios e inibe o frizz."

Condicionador:

Ele promete nutrir os fios secos e encaracolados, reduzindo o frizz sem pesar.

"A exclusiva tecnologia da base condicionante com ativo vegetal rico em aminoácidos e proteínas, considerado colágeno vegetal, possui as propriedades de nutrir os fios e modelar os cachos. Os efeitos benéficos percebidos desde a primeira aplicação são cabelos sem frizz e com balanço natural sem pesar a fibra."

Ele deve ser aplicado nos fios após o shampoo, deixando agir por 3 a 5 minutos. Enxaguar em seguida.

Na fórmula encontrei:  propylene glycol, panthenol, acacia senegal gum extract.
Contém parafina liquida.

Ele tem uma textura cremosa e aquosa, com fragrância suave e levemente frutal e coloração branca, como o shampoo.
No uso, ele amacia os fios de imediato. Se deixar agir no tempo indicado, os fios ficam ainda mais macios. Ele após ser enxaguado deixa os fios macios e maleáveis, com um sensorial controlável.

Hidratação:

Tem basicamente as mesmas promessas do condicionador.

"Pensando no desafio de tratar um cabelo cacheado, desenvolvemos uma tecnologia exclusiva que possui em sua formulação um ativo vegetal rico em aminoácidos e proteínas de alto peso molecular, considerado colágeno vegetal, atua na fibra capilar para hidratar, dar força, nutrir e modelar os cachos. Os resultados são percebidos na primeira aplicação."

Ela deve ser aplicada em todo o cabelo, massageando suavemente deixando agir com uma fonte de calor por 10 a 15 minutos, enxaguando os fios em seguida.

Na fórmula encontrei: propylene glycol, panthenol, acacia senegal gum extract.
Contém parafina liquida.


Ela tem uma textura firme (algo que eu gosto). O interessante é que ela tem a embalagem com a abertura direcionada para baixo, evitando deixar muito produto na embalagem quando acabar.
Tem coloração branca e a mesma fragrância suave e frutal do condicionador e do shampoo.
Ela não espalha muito facilmente pelos fios pela textura, mas não me importo com isto, basta que eles estejam bem umedecidos. Durante o tempo de ação os fios vão ficando mais amolecidos, e após o enxágue este sensorial permanece.
Achei que seria apenas uma hidratação comum, mas ela doa um forco de firmeza e resistência aos fios. Então, para os usuários do Cronograma Capilar, classifico-a como uma R leve.

Leave In Gel:

Ele promete definição dos cachos e ação anti-frizz.

"O leave in em gel para cabelos cacheador modela e define os cachos sem o efeito molhado, mantendo o balanço e leveza natural dos cabelos. A ação condicionante do gel, mantém a forma dos cachos sem a sensação de rigidez. O resultado são cabelos nutridos com aparência natural."

Deve ser distribuído pelas mãos e aplicado nos fios úmidos, apertando os fio de baixo para cima para ativar os cachos, deixando secar naturalmente ou com um difusor.

Na fórmula encontrei: acacia senegal gum extract, dmdm hydratonin, geraniol, triethanolamine.

No uso, bem, eu já basicamente não gosto de gel, então não me agradou muito a ideia do produto ser em gel... Mas tudo bem.
Ele define os fios, deixando-os meio que "moldados". É uma quantidade bem pequena que você deve usar. Essa quantidade da foto já foi o suficiente para deixar meus fios grudados como um gel normal. Se você utilizar apenas uma quantidade bem pequena mesmo (no tamanho do meu cabelo) aquela aplicação de moeda de 50 centavos, eles ficam definidos, com visual não molhado e controlados por um longo período, desde que não fique passando a mão.

Meu produto favorito da linha, raramente isto acontece, é o shampoo! Vocês têm que conferir a resenha que deixei link lá em cima! =D

O que promete: Hidratação, força, nutrição, modelar com definição
O que faz: Cumpre o que promete. Gera maciez através do condicionador, resistência através da hidratação e a definição através do leave in
Classificação: Ótima
Compraria novamente: Sim. Se eu quisesse ficar usando cachinhos, eu iria nela com certeza!
Nota: 9

Abraços.
F.




Sorteio: Máscara TOP para fios Descoloridos e Danificados! IKURA (Anna Haven)

18/05/2013
Olá pessoal, tudo okay?
Hoje tem um sorteio TOP pra vocês!

Alguém lembra da resenha da Ikura que eu fiz esses dias? =D
Pois bem, o pessoa da Anna Haven disponibilizou uma para ser sorteada aqui para vocês! Pois sei que tem muita gente querendo ver se é tudo isso mesmo, não é? E é viu galera??? =D


Confiram um trecho do que ela promete, na resenha:
Ela dispõe diversos benefícios para este tipo de fibra danificada. Eu vou falar pra vocês... Eu meio que detesto ficar testando produtos já pré indicados para cabelos "loiros, descoloridos, com luzes ou mechas", pois a grande maioria deles apenas se destina aos pigmentos violeta e raramente azuis para neutralizar os fios gerando uma tonalidade fria, que entretanto, não se destinam a tratar estes fios, e logo eles que são extremamente danificados e necessitados de intensividade intra-celular, e que ficam completamente desprotegidos com a ação dos oxidantes que removem toda a camada lipídica que os fios continham.

Não pretendia me prolongar tanto, mas com essa preciosidade, é meio que impossível que eu não me prolongue. Dentre suas funcionalidades e propostas, além das citadas acima, ela se dispõe a:

#Fortalecer e recuperar os cabelos danificados por descoloração, luzes, mechas ou reflexos
#Reduzir a estática (que é bem evidente em fios deste tipo)
#Não saturar os fios (ela realmente não pesa, engordura ou gera efeito build up ou rigidez)

#Preencher falhas proteicas e do cimento intracelular dos fios
#Reduzir o tempo da secagem
#Prevenção a desgastes e perda de massa
#Ação anti-oxidante
#Proteção UV
##Potencialização de efeitos com o uso constante
##Aumento da durabilidade de colorações
#Regeneração da elasticidade natural dos fios
#Brilho intenso

Fórmula: cetearyl alcool, ceteareth-20, carbomer keratinbutyrospermum parkii butter, unsaponifiables, glycerin, aqua, dmd hydantoin, polyquaternium-10, hydroxypropyl guar, propylene glycolpanthenolarginine,serine, proline, glycine, alanine, lysine, glutamic acid, aspartic acid, acetyl cysteine, threonine, creatine, sericin (amo, sabia mais sobre clicando aqui), guarhydroxypropyltrimonium chloride, cetrimonium chloride, behentrimonium chloride, phenyl trimethicone, amodimethicone, trideceth-12, cyclopentasiloxane, dimethiconol, dimethicone, crosspolymer, CAVIAR EXTRACT, alpha-isomethyl ionone, amyl cinnamal, benzyl alcohol, benzyl benzoate, benzyl salicylate, butylphenyl methylpropional, citral, citronelloleugenol, geraniolhexyl cinnamal, hydroxyisohexyl 3-cyclohexene carboxialdelyde, limonene, linalool, ci 19149, ci 16035.

Confiram a resenha na íntegra CLICANDO AQUI.

Ela é TOP mesmo gente!!!!! =D



Para participar do sorteio, basta seguir as regras obrigatórias:

#Seguir o Beauty 'n' Roll
#Ter endereço no Brasil
#Curtir a fanpage da Anna Haven e a fanpage do Beauty 'n' Roll

#Preencher o formulário ao fim do post ou aqui



[Opcionais]
E pra terem mais chances, disponibilizo diversas chances extras (divulgações podem fazer quantas quiserem, desde que não seja o mesmo link [escolha a que quiser e ganhe uma inscrição a mais]):

*Me adicionar no Facebook
*Me seguir no Twitter

*Link de divulgação em QUALQUER rede social ou blog*Me adicionar aos seus círculos no Google+
*Seguir meu outro blog (FelipeUrsini)
*Curtir minha fanpage no Facebook 
*Seguir por email a plataforma wordpress do blog Beauty 'n' Roll 

*Participar do grupo Beleza & Diversão
*Participar do grupo Cabelomaníacos
*Curtir a fanpage do grupo Cabelomaníacos

*Participar do grupo Cronograma Capilar



O sorteio rola até o dia 22 de junho!

Abraços.
F.

Post Especial: Trocando Escova Progressiva por Queratina!

16/05/2013
Olá pessoal, tudo okay?

Hoje venho fazer um tipo de desabafo. Será sobre o uso das escovas progressivas/inteligentes/marroquinas/redutoras. Já as utilizo há cerca de um a dois anos, e já tive uma posição pessoal sobre elas. E não é das mais positivas...
Bem, venho sempre com resenhas e as vezes com dicas de tratamento para vocês. E como blogueiro, sou um formador de opinião, e virei trazer a minha para vocês sobre este assunto.

Bem, já utilizei escovas de formol, ácido glioxílico e carbocisteína (esta ultima acho a mais absurda e a mais sensata ao mesmo tempo). Há gente que se engana fácil com tais ditas escovas de argan ,turmalina, cristal, morango, chocolate, etc. Nenhum destes itens mencionados são bases alisantes, portanto não alisam. Estes não são mais que ativos de tratamento, e no geral, doam algum benefício ao fio enquanto a química age sobre os fios.

Deixo claro aqui: bases alisantes são hidróxidos, hidróxido de sódio, de potássio, de cálcio, de lítio, de guanidina e tioglicolato de amônia (trietanolamina vem sendo estudada ultimamente).

Mas também, já posso usar o post para deixar claro de uma vez pra quem ainda não sabe: Progressiva não alisa, alinha!

Já ouviram que o termo "realinhamento capilar" foi sendo bem mais difundido agora que as escovas progressivas vem sendo utilizadas por uma grande parte da população? Pois é, é isso o que as progressivas fazem.
Algumas poucas delas tem um real poder de entrar na fibra capilar, alterando algo de sua estrutura, e para alterar a estrutura do fio, algo ali será danificado. Se bem que a maioria das progressivas agem externamente nos fios, não que não tenham um "potencial" de interação com a área cortical do fio, pois quanto mais danificado ele está, maior é a chance de isto vir a ocorrer.
Explico que elas agem por fora do fio começando pelo formol. Ele não tem um potencial exato de penetrar na fibra capilar. Aliás, ele não teria nada para fazer lá dentro... Se penetrar, já era, pois você teria que danificar o fio para removê-lo... Por isso EP de formol em fios danificados depois de um tempo geram estragos.

O formol age na área externa da fibra capilar, ou seja, na área cuticular. Ele é um conservante, ele é bem utilizado em cadáveres para manter a forma "estável" por um tempo maior. No processo de escova progressiva, ele não alisa sozinho, senão poderia ser realizado a frio. Ele age com o auxílio da parte técnica e térmica realizada pelo profissional, em que a escovação e o processo de prancha são "firmados" e conservados para o formol, como uma capa mais resistente que os silicones. Então, o formol não alisa, ele conserva a forma.
Entretanto, o formol não é um ativo seguro, tanto que não é liberado para tal uso desta forma pela Anvisa, simplesmente que pela concentração de conservante cosmético (que é a 0,2%) não seria possível um real resultado de conservação da forma, sendo necessária uma alta concentração do item. E por que ele não é liberado? Porquê ele é tóxico. Estudos indicam que ele pode estar relacionado á alguns casos de câncer. A fumaça que este aldeído forma ao agir com o calor pode vir a causar problemas á saúde do cliente e do profissional que venham a utilizar este processo. Uma simples provas são as reações imediatas: ardência nos olhos, narinas e garganta quase que de imediato. Portanto, se disserem que a escova não tem formol e arder
alguma de suas mucosas... Desconfie na hora (ou faça o Felipe Ursini, levante e saia andando para casa kkk')!

Como já disse, já progressiva de formol duas vezes em uma época remota, com um espaço de uns 6 meses entre uma e outra. O resultado: os fios após a aplicação ficam sim notavelmente mais alinhados e reflexivos, mas maleáveis e com mais balanço. Porém eu notava que durante uma aplicação e outra, os tratamentos não respondiam tão bem quanto antes, não davam aquele mesmo resultado. Isto até antes de saber que o fomol de fato formava uma capa nos fios, impedindo a perda de nutrientes e da forma, mas também impedindo a entrada dos mesmos. Os fios ficaram um pouco mais maleáveis durante os dias.
Na segunda aplicação, o cabelo ficou com um brilho no dia, após a primeira lavagem, já era outra história... Os fios danificados começavam a aparecer.

Também temos, após os problemas com o formol terem sido revelados, a base do ácido glioxílico. Este que é um ácido de origem orgânica que vem sendo utilizado nas progressivas agora.
Ele tem um pH baixo, e por isso, acidifica as cutículas dos fios, também tendo uma ação mais externa, e por essa acidificação, ele é capaz de gerar um maior alinhamento ao deixar as cutículas mais seladas. Com isto, o efeito gerado ao final é de mais reflexibilidade (brilho), menor volume (devido ao alinhamento) e mais definição (pelo mesmo motivo).
Sou usuário atual da técnica, não posso negar. Entretanto, a aplicação de escovas a base de ácido glioxílico, para mim, são insuportáveis e desgastantes. Isto porque a contrário da de formol que prejudicava a saúde, ao menos era fácil de se realizar o processo de escovação e prancha (não estou favoritando a EP de formol, nunca faria isso)... Já a do ácido glioxílico, deixa os fios (a partir da acidificação), completamente endurecidos, enrijecidos e mais "secos" na textura, dificultando e muito o processo de escova, se torna incrivelmente cansativo realizar um processo deste para ter que enxaguar tudo e em seguida secar os fios novamente.
A única escova que contém ácido glioxílico que me favorece nesta questão, e que eu acho muito digna, é a Néctar Princess Premium da Néctar Professional (resenha aqui). Isto por que esta não deixa os fios muito endurecidos durante a ação do produto, e não bastasse isso, ele ainda deve ser enxaguado antes da escovação, o que facilita e MUITO o processo. Além de que ela tem um terceiro passo, que deve ser aplicado antes de fazer a escova, garantindo maleabilidade e muita facilidade para se realizar o processo todo, tratando bem os fio deixando-o selado por um período maior que as outras. Se tem uma que eu continuaria usando sem receio algum seria ela.
Já as demais, deixam os fios muito estirados, sem movimento, quase opacos e duros após secos. Só após o enxágue isso muda. O resultado é bom, mas não é algo a se dizer "meu fio alisou", afinal não é esta a real proposta, embora muitas empresas vendam como se fosse.
Entretanto, há um desgaste da fibra após várias sessões desta (sem um tratamento devido). Isto, aliás, que elas podem desbotar algum tom, e por se tratar de uma base ácida, ela tem poder corrosivo. Com isto ela pode vir a gerar a quebra dos fios devido á tamanha acidez (não que isto ocorra na primeira ou segunda aplicação). O benefício delas e ajudar a dar uma selada nos fios, mas o efeito delas é bem passageiro.
As de formol prometem uma duração de uns 3 meses... No meu fio descolorido, onde tudo sai mais rápido, durava no máximo um mês com um resultado próximo do realizado no primeiro dia. Já as de ácido, duram uma semana, no máximo duas (com lavagens semi-diárias)... O efeito é bem mais passageiro. Nada de três meses, sendo necessária uma reaplicação mensal, como uma reposição proteica. Fora que meus fios, após o  uso delas começou a ficar ainda mais seco que o natural.

Um desabafo que eu tenho, é que antes de ser usuário das progressivas (de início eu era contra, mas facilitava a vida; no momento) eu apenas tratava os fios com tratamentos a base de queratina, basicamente, mesclado com as outras fases do cronograma. E meu cabelo era muito mais bonito, macio, brilhante, flexível e saudável.
Após o uso dessas "escovas revolucionárias" isto nunca mais foi de fato possível.

Uma pequena imagem de comparação de quando meus fios eram tratados com queratina:



Reparem no brilho...

Enfim... Estou hoje com um propósito de voltar a tratar, "alinhar" os fios a base de queratina. Me lembro que eu utilizava até produtos mais baratos, como o kit de Cauterização da Salon Line, uma vez a cada 15 ou 20 dias, e meu cabelo era muito mais bonito e saudável (claro que usava outras coisas também).

Agora após ter me jogado nas EPs pude perceber claramente a diferença.
Usei imagens dos fios loiros no usa das EPs pra ficar mais nítido.

E assim... Depois vou vir com dicas pra vocês sobre técnicas e tratamentos que vocês podem fazer com o uso da queratina. A queratina é vital para o fio... NUNCA que ela o danificaria. Gostei de ler ontem/hoje não me recordo, uma opinião técnica sobre o que eu pensava sobre ela.
É como nosso corpo... Ele é maior parte de água, o fio é maior parte de queratina... O corpo pode ficar maior tempo sem alimento, mas não sem água, pois ele adoece... O mesmo serve para o cabelo sem a queratina.
Os fios podem ficar mais enrijecidos se você fizer tratamentos mais potentes com maior frequência, mas não tem como a queratina danificar seu fio, pois só o que ele precisa será inserido nos fios, o resto sai na lavagem, removido pela água, pois fica fora do fio. Como o corpo (em geral), que a parte dos nutrientes que ele não precisa, ele elimina pela urina.
Aliás, a queratina é o ativo que mais trata os fios, por ser disso que são constituídos. E todos (ou quase todos) nós sabemos, que quanto mais tratados os fios estão, mais fortes, macios, brilhosos, maleáveis, reflexivos, flexíveis e bonitos eles ficam. E Fios bem tratados também geram maior controle de volume e mais alinhamento. E afinal, após as EP's, a gente ainda tem que pelo menos usar o secador pra "ativar" o efeito mais "bonito". Com a queratina é o mesmo, com o benefício plus blaster advanced de tratamento geral da fibra. Então pra quê trocar o certamente saudável pelo momentâneo e potencialmente prejudicial?

Anyway, só estou deixando claro agora que vou voltar a tratar mais meus fios com queratina, e estarei pretendendo abandonar o uso das EPs pra ver se a minha teoria se aplica á prática. Vai levar tempo... Mas quando e se eu obter positividades, vocês estarão por perto para saber! =D


Acompanhem a Saga!
Confira aqui a PARTE 1.
Confiram a parte FINAL.
Saibam tudo sobre a QUERATINA clicando aqui.


Aproveitem e conheçam meus tratamentos para fios danificados:

Hidronutrição para cabelos muito ressecados (clique aqui)
Reconstrução Cuticular para fios muito danificados e porosos (clique aqui)
Super 'Overnight' para cabelos nas últimas (clique aqui)

Conheça também a rotina e necessidade do Cronograma Capilar (clique aqui)

Abraços.
F.

Resenha: Shine BIO Repair - Finish Powerful Recovery

15/05/2013
Olá pessoal, tudo okay?
Hoje vou resenhar pra vocês o Shine BIO Repair - Finish Powerful Recovery da Anna Haven.

Ele é um fluido finalizador e power dose sem enxágue de uso exclusivo profissional com poder de recuperação e restauração da fibra capilar. Seu ativo base é o 8-complex, composto por nanopartículas e/de aminoácidos.

"Nanofluido finalizador, regenera profundamente a estrutura do fio, desde a sua parte interna até as cutículas. Harmoniza o relevo capilar tornando os cabelos macios, sedosos, brilhantes e visivelmente fortalecidos já na primeira aplicação."

Ele é um fluido concentrado que promete corrigir e prevenir à fibra capilar, danos severos e falhas em sua estrutura. De textura leve, podendo ser utilizado de diversas formas e aliado a diversos tipos de produtos de tratamento e transformação capilar. Ele tem três técnicas exclusivas de utilização:

#Magic Drop:
Adicionando algumas gotas do produto para potencializar tanto hidratações como colorações, tinturas e selagens.

#Reconstrução Express:
Utilizando-o como finalizador, promovendo tratamento completo de ação rápida e sozinho!

#Primer:
(Esta é a função que mais me chamou atenção) Sendo utilizado mesmo como um primer de pele! Isso! Não apenas preparando o cabelo para qualquer processo mecânico (como escovação e chapinha), como também os preparando para qualquer processo químico de cor ou textura, prometendo manter os cabelos saudáveis e protegidos, potencializando os resultados.

As promessas dele com o tratamento são as seguintes:
#Regeneração Intensa
#Recuperação e preenchimento da massa capilar
#Condicionamento intenso
#Proteção térmica
#Multifunção
#Compatibilidade com quaisquer processos químicos de transformação
#Redução de danos causados por químicas (tais como descoloração (Oi!), coloração, alisamento e relaxamento)
#Proteção contra danos severos, mesmo em altas temperaturas
#Efeito imediato e prolongado
#Benefícios potencializados após o uso constante

E tenho que destacar este, pois realmente chamou minha atenção...
Atenção usuários do Cronograma Capilar (quem ainda não conhece, ou conhece e não tem muitas informações, saiba mais clicando aqui)...

Ele promete efeito catalizador de HIDRATAÇÃO, RECONSTRUÇÃO E NUTRIÇÃO!!!!
Não é sensacional??
Um produto "inteligente" que entende do nosso Crono! =D

Agora vamos falar do uso?


Bem, ele é bem fluido mesmo, levemente denso, de coloração branca, que por ser liquido escorre fácil e rapidamente na mão.
Ele vem com uma válvula dosadora ÓTIMA! Isto pois ela evita e muito o desperdício de produto, colocando uma pequena quantidade do produto na mão, que é basicamente a quantidade da foto.

Vou contar pra vocês... O aroma é delicioso! Uma fragrância suave que no final me lembra aqueles produtos para bebê, sabem? Esta mesma! =D
Como sabem não ligo muito para as fragrâncias dos produtos, mas quando uma me chama a atenção, merece destaque e ganha pontos sim! Só não gosto de fragrâncias muito cítricas.

Ainda não o utilizei como Primer antes de algum processo químico, pois acabei de sair das luzes... Esperar é sempre bom (mas quando o fizer, certamente virei pra contar).


Como Magic Drop, eu chegava a adicionar umas 5 ou 6 pressões da válvula numa quantidade de máscara. Testei nas mais "podrinhas" e "pobrinhas", que não faziam praticamente nada, e BOOM! Praticamente uma nova fórmula do produto, fazendo estas ficarem boas!

Como Reconstrução Express e Primer (minhas funções favoritas)...

Na do primer, antes do secador ou da prancha... Gente, é sucesso! O sensorial do produto já nas mãos é de um deslize único e suave. (Se você dispor de luvas, é ainda melhor) O produto é tão eficaz, que s´em contato com a pele, e após o atrito entre uma mão e outra para espalhar o produto, aquela primeira pressão da válvula que falei mais acima, vai sendo praticamente toda absorvida pela PELE! Isto a deixa cheirosa, muito, muito macia, com um sensorial de proteção, como se estivesse bem hidratada e nutrida... Simplesmente com um rápido uso do produto!!!
No cabelo, o Shine faz a mesma coisa, dá a mesma sensação que dá na pele, porém o cabelo sendo matéria morta não absorve tão de imediato quanto a pele, mas ele não pesa nada nos fios, e é como se ele se acoplasse nos fios, se juntando a ele.

Após secador e prancha, os fios ficam realmente mais hidratados, nutridos e com um fator de reconstrução sim! O produto dá maciez, brilho, suavidade, maleabilidade, controle com leveza, definição (sem fixação), redução praticamente total do frizz e ainda por cima se nota força e resistência.

Já na da Reconstrução Express, aplicando-o como finalizador, ele faz as mesmas coisas que como Primer.
Gosto muito/amo utilizá-lo como finalizador dos fios já secos. Ele NÃO remove a escova ou a prancha, e além do mais, doa todos os mesmos benefícios que doa aos fios sendo utilizado como Primer. Substituo os óleos por ele... Pois além de tudo, ele acaba com o frizz e o ressecamento de momento, ou provocado por vento, sol, ou o atrito com o travesseiro ao dormir (odeio). E não, não estou falando de uma hidratação superficial que os sprays para pentear costumam fazer. Ele realmente trata os fios de uma forma surpreendente, como se os tratasse internamente, hidratando e selando as cutículas sozinho e sem esforço.

Na fórmula encontrei: citronellol, eugenol, farnesol, geraniol, propylene glycol, panthenol, arginine, serine, proline, glycine, alanine, lysine, glutamic acid, aspartic acid, acetyl cysteine, threonine, creatine, sericin (amo, saiba sobre ela clicando aqui), hdroxipropyl trimonium honey.
Contém óleo mineral, creio que para espalhabilidade.

Como final, posso dizer que encontrei o "BB Cream" dos cabelos.

O que promete: Regenerar profundamente a estrutura do fio da parte interna até as cutículas, maciez, sedosidade, brilho e força
O que faz: Cumpre tudo o que promete, gerando sensorial incrivelmente sedoso de aspecto saudável
Classificação: Perfeito (classificaria como Excelente, se ele de fato cumprisse o que promete progressivamente, mas o efeito você já sente no primeiro uso, apenas o de reconstrução é mais progressivo, o que é bem aceitável)
Compraria novamente: Sem dúvidas
Nota: 10+++

Confira também o post da máscara perfeita para fios descoloridos e danificados, a Ikura, clicando aqui.

Abraços.
F.


Sorteio: Keraton Banho de Brilho ou Keraton Hard Collors (Kert Cosméticos)

Olá pessoal, tudo okay?
Hoje tem sorteio pra vocês!!! =D


Será sorteado a um ganhador um Keraton Banho de Brilho ou um Keraton Hard Collors á escolha do ganhador. Presente da Kert Cosméticos.


As regras são as seguintes:
Seguir o Beauty 'n' Roll
Curtir a fanpage da Kert Cosméticos
Curtir a fanpage do Beauty 'n' Roll

Desta vez estou usando o Rafflecopter para realizar o sorteio.
Basta preencher o campo da pergunta com seu nome, nome de seguidor, email e endereço; em seguida curtir as pages da Kert e do Beauty 'n' Roll. Um ponto para cada um desses.

Vocês ganham mais dois pontos por usarem uma das chances extras, que são:
Tweetar o Sorteio
Seguir @lipeskinez
Curtir a minha fanpage
(Mas para que isso seja possível, você deve completar as 3 regras principais)
*Para incluir os dados como nome, email e endereço, basta clicar na caixa "edit" após clicar confirmar o nome, se não aparecer a caixinha para escrever

Tudo já de uma vez só:

a Rafflecopter giveaway

O sorteio rola até o dia 15 de junho.

Confiram a resenha do Keraton Polar Ice, clicando aqui.
Abraços.
F.

Resenha: Processo Redutor de Volume - Sem Formol (B Care Professional)

14/05/2013
Olá pessoal, tudo okay?
Hoje vou resenhar pra vocês o Processo Redutor de Volume da B Care Professional.

Trata-se de uma escova redutora de volume que consiste em 3 passos: shampoo limpeza profunda, creme redutor de volume e máscara nutritiva pós tratamento. O tratamento é livre de formol.

Ela promete excelentes resultados em cabelos quimicamente danificados. Em cabelos naturais e cacheados, ela promete reduzir volume e dar mais brilho e maciez. Em cabelos frizados e extremamente crespos, promete tornar os fios 50% menos volumoso, mais macio e hidratado. Em cabelos tintos, com mechas, luzes e crespos, indica que são os cabelos mais indicados para o uso do produto, por estarem danificados quimicamente estando com as cutículas mais abertas, facilitando a ação do produto, prometendo deixá-los com menos volume, gerando resultado satisfatório de 80% já na primeira aplicação. 
Ela ganhou mais pontos comigo por não chegar prometendo alisar os fios, e sim reduzir volume. Pois progressiva no geral, alinha, não alisa em si.

Passo 1: Shampoo Limpeza Profunda:

Ele contém raspa de Juá.
"Formulação enriquecida com extrato da raspa de Juá, retira os resíduos do cabelo, sem ressecá-lo, facilitando a ação do creme redutor."

Na fórmula encontrei: joazeira bark extract.

O shampoo é transparente, tem um cheiro suave quase neutro. A textura é levemente liquida.

Deve ser aplicado nos fios úmidos, massageando suavemente o couro cabeludo, deixando o produto agir por alguns minutos e enxaguar e repetir a aplicação em seguida.

No uso, pensei que ele ia ressecar até o fim do fio, por ser de limpeza profunda... Contudo, ele era bem suave, limpando a área externa dos fios, abrindo suavemente as cutículas, sem a necessidade de dilatá-las ou de danificar a fibra. Aliás, ele faz uma espuma bem cremosa, e se deixar agir de dois a cinco minutos os fios ficam ainda mais suavizados.

Passo 2: Creme Redutor de Volume:

Ele é livre de formol, e contém óleo de castanha do Pará.

"Especialmente elaborado para a redução do volume e para dar a aparência de cabelos lisos, o creme redutor de volume confere beleza e brilho aos fios. Com óleo de castanha do Pará, ajuda a manter os fios hidratados e protegidos."

Deve ser aplicado após o uso do shampoo, com os fios secos com a umidade previamente removida pelo secador. Utilizar uma quantidade suficiente para cobrir toda a mecha (uma boa dica é utilizar pouca quantidade do produto, pois o resultado é mais satisfatório, e não pesa os fios), deixando-o agir de 30 a 40 minutos, alinhando os fios com um pente durante o tempo de ação.
Após o tempo cumprido, deve-se escovar os fios e em seguida pranchá-los em mechas bem finas de 8 a 10 vezes cada mecha, em uma temperatura mínima de 180°.

É indicado que para um melhor resultado, que se deixe o produto nos fios de 24 a 72 horas. Após o enxágue, aplicar o terceiro passo. Ou então deixar um mínimo de 40 minutos.

O produto tem um cheiro suave levemente ácido, das escovas de ácido glioxílico que já testei, essa é a que tem o cheiro menos ácido! A textura é cremosa e suave, fácil de aplicar, com uma coloração levemente creme.

Na fórmula encontrei: caffeine, lactic acid, gallic acid, glyoxilic acid, oxalic acid, quercetin, theobromine, bertholletia excelsa seed oil.

Na hora da escovação, se você tiver aplicado uma quantidade alta ou mesmo moderada, os fios ficam difíceis de escovar e ainda mais de pranchar. Como indiquei, aplicando uma quantidade pequena, os fios não pesam na escovação e na prancha.

Passo 3: Máscara Nutritiva Pós Tratamento

Contém pantenol, vitamina F, silicone e óleo de linho.

"Elaborada com aminoácidos, que penetram na cutícula do cabelo, silicones e vitaminas, a Máscara Nutritiva Pós Tratamento nutre e forma uma película protetora ao cabelo dando força, maciez e brilho."

Ela deve ser aplicada nos fios após o enxágue da escova, massageá-la nos fios e deixar agir por 5 minutos, enxaguando em seguida.

Na fórmula encontrei: propylene glycol, linum usitatissium seed oil, sodium pca, glycine, alanine, proline, serine, threonine, arginine, lysine, glutamic acid, panthenol.

Tem uma coloração branca, uma textura levemente aquosa e uma fragrância suave bem gostosa.

No uso, ela amacia os fios de imediato, após o tempo de ação e enxágue, os fios ficam bem macios e suaves, com um leve brilho e mais maleabilidade.
Os cabelos ficam mais leves para fazer a escovação e prancha.



Antes de falar do resultado, direi uma coisa interessante.. Na embalagem indica que o produto pode ser utilizado 3 vezes seguidas sem danificar o cabelo. Muito bom não? Ainda mais pra quem já trata os fios, o risco de danificar os fios pode acabar ficando praticamente nulo.

Ela é uma das melhores escovas de ácido glioxílico que eu testei!Super sucesso. Não danifica, não resseca, e após todo o processo, os fios ficam com o volume controlado, o sensorial mais liso e alinhado e a reflexibilidade de luz mais notável.
Fora que eu amei o fato de conter ácido latico na fórmula do creme redutor, mais pra frente pretendo falar sobre ele.

Vale super a pena! E não desbotou tom nenhum, a não ser os pigmentos violeta das máscaras que sai normalmente com qualquer shampoo! =D

Fiz a primeira aplicação apenas. Na realidade a re-aplicação da primeira, pois tive o problema de pesar os fios na escovação, então reiniciei o processo desde o shampoo. Vamos ver mais pra frente com mais aplicações.

O segredo está no pranchar (prancha profissional com uma boa temperatura) e na aplicação de pouco produto.

Deixo aqui um vídeo sobre a escova:



O que promete: Redução de volume, aparência de cabelos lisos, beleza, brilho, hidratação e proteção
O que faz: Cumpre o que promete
Classificação: Excelente
Compraria novamente: Sem dúvidas
Nota: 10++

Para adquirir, basta entrar em contato com o Max e falar que é leitor do BNR.
Deixo aqui os contatos dele:


e-mail: maxbuch@hotmail.com
Tel: (11)2305-4048
Cel: (11)99686-7844
Skype: buchmax

Abraços.
F.


Resenha: Alisamento de Amônia - Intensive Lizz (L'officer Professional)

13/05/2013
Olá pessoal, tudo okay?
Hoje vou falar pra vocês do Intensive Lizz da L'officer Professional.

 

Trata-se de um alisamento à base de amônia, de uso profissional, contendo 3 passos de 1 litro cada. Estes passos são a base alisante (Fluid Fast Relax), shampoo (Shampoo Clean System) e um neutralizante (Neutro System).

A linha é capaz de oferecer 3 técnicas de aplicação: Alisamento Definitivo, Defrisagem e Relaxamento Térmico. Também podendo ser utilizada para realizar um relaxamento a frio.
"Esse procedimento utiliza a tecnologia do tioglicolato de amônia, que tem características diferentes de outros ativos e é indicado para transformar cabelos armados, ondulados e cacheados, em lisos."

Minha mãe, cabeleireira, utilizou a linha em uma cliente, recentemente. Eu acompanhei parte do processo. Vou mostrar pra vocês o passo a passo, e o antes e depois.

Passo 1: Fluid Fast Relax

"O Fluid Fast Relax é uma base cremosa que permite desde uma abertura de cachos no processo de relaxamento, reduzindo o volume e acalmando os fios mais rebeldes, até seu alisamento total. Elaborado com a mais alta tecnologia de tratamento simultâneo durante o processo de mudança de forma, proporciona brilho, maciez e movimento aos cabelos."

O pH dele é 9,0. É obrigatório o teste de mecha.
OBS: Uma importante ressalva, é de não utilizar o produto em cabelos descoloridos ou com mechas e luzes.
Deve ser aplicado nos fios secos, sem lavá-los, dividindo-os em partes e aplicando o produto da raiz as pontas começando pela nuca. E daí um tempo máximo do geral da amônia, que é por volta dos 15 minutos desde o início da aplicação.

Na fórmula encontrei: lanolin, hydrolyzed collagen, sheabutter, propylene glycol.

Ele tem uma coloração azul celeste bem bonita. Textura levemente liquida e o cheiro "bem gostoso" típico do tioglicolato de amônia.

Passo 2: Shampoo Clean System

"O Shampoo Clean System é um produto desenvolvido para retirar com eficácia, o Fluid Fast Relax, sem interferir no procedimento."

O pH dele é 6,0. A finalidade dele é a de estabilizar o pH dos fios, limpando profundamente, removendo os resíduos do relaxante.

Ele deve ser aplicado nos fios como um shampoo normal, lavando bem os fios, repetindo a aplicação se necessário. Ele não resseca os cabelos, pelo contrário, remove bem os resíduos porém deixando os fios com um sensorial normal.

Na fórmula encontrei: silk amino acids (AMO, saiba mais clicando aqui), hydrolyzed keratin.

Ele tem uma coloração azulada, muito bonita e atraente; um aroma neutro e uma textura liquida porém levemente gelatinosa.

Passo 3: Fix Neutro System

"O Fix Neutro System é um produto desenvolvido para a neutralização e a fixação da nova forma do liso, deixando os cabelos lisos e naturais."

O pH dele é 4,0. Ele neutraliza o alisamento fixando a forma do liso enquanto hidrata os cabelos.

Deve ser aplicado após secador e prancha, com os cabelos divididos, deixando agir por 15 minutos, enxaguar e finalizar com o Diamond Thermo Brush (resenha aqui) e o Diamond Serum Finish (resenha aqui).

Ele tem a coloração tipicamente branca e um cheiro neutro porém gostoso. A textura é cremosa puxando para o aquoso, nada oleoso. Deixa os fios macios e é fácil de aplicar.

A fórmula é a seguinte: aqua, glycerin, disodium edta, phenoxyethanol, citric acid, dimethicone copolyol, methylchloroisothiazolinone, peg 40, parfum, cetearyl alcohol, behetrimonion chloride, bht, sódio lauryl sulfate, cocoamide dea, CI 42090, ceteareth-20.




O processo realizado foi o de escova definitiva em um cabelo naturalmente cacheado, em que foi aplicado o alisante, depois os fios foram lavados procedidos á escovação e prancha. Em seguida, os fios foram neutralizados e novamente escovados e pranchados.

O antes e depois (a qualidade das imagens não estavam muito boas pois a resolução estava baixa =/):

ANTES


DEPOIS



Considerações finais da cabeleireira: "O cheiro é muito forte, poderia ter alguma essência para diminuir o cheiro. Achei que o produto diminuiu bem o volume do cabelo, mas deixou as pontas um pouco ressecadas. Gostei! Deixa o cabelo solto, não fica pesado."

OBS: as pontas estavam levemente coloridas.
Cliente: Bem satisfeita

Confira resenhas de outros produtos da L'officer Professional clicando aqui.

Abraços.
F.